Loja de sapatos em Bangu foi obrigada a entregar para destruição centenas de tênis falsificados | Montaury Pimenta, Machado & Vieira de Mello Advogados

A sociedade empresária norte-americana, Vans, Inc., através de seus advogados brasileiros da banca Montaury Pimenta, Machado & Vieira de Mello Advogados – Propriedade Intelectual, enviou notificação extrajudicial à rede de lojas Stylus devido à comercialização de produtos contrafeitos.

O objetivo da missiva era que a referida rede de lojas – presente em todo Rio, Grande Rio e Baixada Fluminense – cessasse a venda dos pares de tênis contrafeitos do famoso modelo conhecido como Vans Old Skool.

Após vigorosa negociação, a rede de lojas concordou em entregar todo o estoque do referido modelo, sem qualquer contrapartida, aos advogados para que providenciassem a destruição dos produtos contrafeitos.

Os pares dos tênis pirateados foram coletados na sede das Lojas Stylus no bairro de Bangu (Rio de Janeiro) e transportados em veículo adaptado para tal finalidade até à empresa de descarte de resíduos situada na cidade de Magé – RJ, onde todo o procedimento foi realizado de acordo e em respeito às normas fiscais e às diversas normas federais e estaduais de proteção ao meio ambiente.

O caso exigiu um trabalho prévio de inteligência, através do qual as informações levantadas ainda na fase de investigação contribuíram de maneira contundente para a correta e estratégica condução das negociações que resultou na bem sucedida finalização do caso. Isto porque, em casos semelhantes é extremamente difícil conseguir coletar e eliminar produtos contrafeitos sem qualquer intervenção de força policial ou sob o amparo de uma decisão judicial.

FONTE

Compartilhe este post